Na Mídia

Oi, o que você está procurando?

Rondônia

Ieda Chaves defende ampliação de ações no combate aos crimes de violência contra a mulher

ieda-chaves-defende-ampliacao-de-acoes-no-combate-aos-crimes-de-violencia-contra-a-mulher

A deputada estadual Ieda Chaves (União Brasil) prestigiou o lançamento da Operação Átria, com foco no combate e prevenção de crimes de violência contra a mulher em razão de gênero. A ação é coordenada pela Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública, com o apoio de diversos órgãos governamentais. A cerimônia ocorreu no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar do Estado de Rondônia (PMRO), nesta terça-feira (5), em Porto Velho.

Os Dados do Anuário Brasileiro de Segurança Pública de 2022 revelam que Rondônia tem a maior taxa de feminicídio do país: 3,1 vítimas por 100 mil habitantes. Esse número é mais que o dobro da média nacional, que ficou em 1,4. Diantes destes números alarmantes, a parlamentar entende a necessidade de ampliar os esforços no combate à violência contra o sexo feminino, um problema que causa impactos graves.

“A nossa luta deve continuar firme e forte. Com essa Operação, teremos a certeza de que serão intensificadas as ações policiais, entre elas, a apuração de denúncias e a busca por suspeitos e foragidos da justiça que cometeram crimes contra mulheres. Além disso, devem ser fortalecidas as atividades de conscientização com o intuito de prevenir que mais delitos em razão de gênero aconteçam”, disse Ieda Chaves.

Ação

Durante a sua fala, o comandante-geral da Polícia Militar, o coronel PM Regis Wellington Braguin Silvério, destacou o trabalho desenvolvido pelas polícias no sentido de dar atenção e justiça às vítimas e que elas saibam da existência de uma rede de apoio com a qual elas poderão contar no momento em que decidirem pela denúncia. Braguin aproveitou o momento e fez o anúncio da instalação do Batalhão de Polícia de Enfrentamento à Violência Doméstica (BPVID).

Operação Átria

Átria é o nome da principal estrela da constelação “Triângulo Austral” do hemisfério estelar sul. Em alusão à posição de destaque da estrela, o nome ilustra a ideia de reposicionar mulheres agredidas, afastando-as da condição de vítima para que retornem ao seu lugar.

Fonte: Assessoria

Aviso Legal: Comentários e Opiniões

Os comentários e opiniões dos usuários são de responsabilidade exclusiva de seus autores. O Grupo Cacoal NEWS não endossa nem se responsabiliza por qualquer conteúdo expresso nos comentários, e reserva-se o direito de remover, modificar ou não aprovar comentários que violem nossas políticas editoriais ou que possam ser considerados inadequados.

Postar Comentário

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA TAMBÉM

Cacoal

Colisão fatal deixa comunidade em choque e levanta questões sobre segurança viária na região.

Economia

Descubra se utilizar todo o limite do cartão de crédito realmente resulta em aumento do limite e os riscos financeiros associados a essa prática!

Cacoal

Em seguida, as atividades serão retomadas no rio Pirarara, em Cacoal, e na microbacia do rio Pimenta, em Pimenta Bueno.

Cacoal

O nome da operação, "Vértice", faz referência à sua conexão com a Operação Paralelo da Polícia Federal em 2020, ao identificar novos integrantes do...

Publicidade