Na Mídia

Oi, o que você está procurando?

Policial

Operação Vértice: Polícia Federal desarticula esquema de tráfico interestadual de drogas em Rondônia

Mandados de busca, apreensão e prisão foram cumpridos em várias cidades, resultando na apreensão de entorpecentes e na detenção de suspeitos.

a

A Polícia Federal, com apoio da Polícia Militar de Rondônia, deflagrou nesta quarta-feira (10/4) a Operação Vértice, visando desmantelar um esquema de tráfico interestadual de drogas na região. Onze mandados judiciais foram cumpridos, sendo oito de busca e apreensão e três de prisão preventiva, expedidos pela 1ª Vara Criminal de Cacoal-RO.

Os mandados foram executados em diversas localidades, incluindo Cacoal/RO, Rolim de Moura/RO, Santa Luzia/RO, Alta Floresta/MT e Ituiutaba/MG. Três prisões preventivas foram efetuadas em Rolim de Moura, Ituiutaba/MG e Xavantina/MT. Além disso, quatro indivíduos foram detidos em flagrante em Santa Luzia, Alta Floresta e Rolim de Moura, sendo três por posse irregular de arma de fogo e um por porte.

A investigação teve início após uma denúncia anônima sobre atividades relacionadas ao tráfico de drogas na região. Os policiais identificaram integrantes do grupo, mapearam a rota da droga e localizaram um possível receptador em Minas Gerais.

Polícia Federal Realiza Operação Vértice com mandados judiciais emitidos pela 1ª Vara Criminal de Cacoal em Rondônia, Mato Grosso e Minas Gerais"

11 mandados judiciais foram expedidos pela 1ª Vara Criminal de Cacoal-RO.

As drogas, provenientes da zona da mata em Rondônia, eram transportadas por rodovias até o triângulo mineiro. Tanto o remetente quanto o destinatário da droga já eram alvos de investigações anteriores da Polícia Federal, com mandados de prisão em aberto.

Durante uma das operações de vigilância, os agentes apreenderam um carregamento contendo 8kg de cocaína, na BR-364. Os suspeitos podem enfrentar penas que, somadas, chegam a 32 anos de reclusão, pelos crimes de tráfico interestadual de drogas e associação para o tráfico, além das infrações previstas no Estatuto do Desarmamento.

A Polícia Federal salienta que não descarta a participação de outros envolvidos no caso e incentiva qualquer pessoa a colaborar com as investigações, garantindo o sigilo da fonte. O nome da operação, “Vértice”, faz alusão à conexão com a Operação Paralelo da Polícia Federal (2020), ao identificar os novos integrantes do grupo na região.

Da Redação
Cacoal NEWS
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Aviso Legal: Comentários e Opiniões

Os comentários e opiniões dos usuários são de responsabilidade exclusiva de seus autores. O Grupo Cacoal NEWS não endossa nem se responsabiliza por qualquer conteúdo expresso nos comentários, e reserva-se o direito de remover, modificar ou não aprovar comentários que violem nossas políticas editoriais ou que possam ser considerados inadequados.

Postar Comentário

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA TAMBÉM

Policial

Em Porto Velho, policial ajoelha e agradece a Deus após tiroteio que terminou com a morte de um criminoso. Nenhum policial ficou ferido na...

Cacoal

Queixadas são flagrados passeando nas ruas de Cacoal, surpreendendo moradores. O vídeo do grupo de queixadas viralizou nas redes sociais.

Cacoal

Polícia Militar de Cacoal prende mulher foragida condenada por furto no bairro Vista Alegre.

Geral

Caminhoneiro morre e dois ficam gravemente feridos em colisão na RO 010. Autoridades investigam causas do acidente. Saiba mais.

Publicidade