Na Mídia

Oi, o que você está procurando?

Nacional

Foragidos da Penitenciária Federal em Mossoró são Recapturados em Marabá (PA) após 50 Dias de Fuga

A recaptura dos fugitivos representa um desfecho significativo para o caso e destaca o compromisso das autoridades em lidar com as fugas e melhorar as medidas de segurança nas penitenciárias federais.

foragidos-da-penitenciaria-federal-em-mossoro-sao-recapturados-em-maraba-(pa)-apos-50-dias-de-fuga

Após 50 dias em fuga, os dois presos que escaparam da Penitenciária Federal em Mossoró (RN) foram capturados nesta quinta-feira (4) em Marabá (PA), a uma distância de aproximadamente 1,6 mil quilômetros da prisão de alta segurança. Rogério da Silva Mendonça e Deibson Cabral Nascimento foram detidos em uma operação conjunta das polícias Federal e Rodoviária Federal.

A evasão dos detentos ocorreu em 14 de fevereiro, durante o feriado de Quarta-feira de Cinzas, marcando o primeiro caso de fuga no sistema penitenciário federal desde sua instituição em 2006, com o objetivo de isolar líderes de grupos criminosos e indivíduos de extrema periculosidade. As investigações preliminares indicam que Mendonça e Nascimento utilizaram ferramentas disponíveis dentro da própria prisão para abrir o buraco por onde escaparam de suas celas individuais.

Na época, o então presidente Luiz Inácio Lula da Silva levantou a suspeita de possível colaboração externa aos detentos, dada a natureza sem precedentes da fuga.

Após um meticuloso período de um mês e meio investigando as circunstâncias da evasão, a corregedoria-geral da Secretaria Nacional de Políticas Penais, ligada ao Ministério da Justiça e Segurança Pública, determinou que não houve evidências de corrupção. O relatório da corregedora-geral, Marlene Rosa, apontou falhas nos protocolos de segurança carcerária, mas não encontrou provas de que os funcionários facilitaram deliberadamente a fuga.

Diante das lacunas identificadas, foram iniciados três Processos Administrativos Disciplinares (PADs) para aprofundar as investigações, com dez funcionários como alvos desses procedimentos. Além disso, outros 17 funcionários concordaram em assinar Termos de Ajustamento de Conduta (TAC), comprometendo-se a participar de cursos de reciclagem e a evitar reincidências nas mesmas infrações.

A recaptura dos fugitivos representa um desfecho significativo para o caso e destaca o compromisso das autoridades em lidar com as fugas e melhorar as medidas de segurança nas penitenciárias federais.

Da Redação
Cacoal NEWS
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Aviso Legal: Comentários e Opiniões

Os comentários e opiniões dos usuários são de responsabilidade exclusiva de seus autores. O Grupo Cacoal NEWS não endossa nem se responsabiliza por qualquer conteúdo expresso nos comentários, e reserva-se o direito de remover, modificar ou não aprovar comentários que violem nossas políticas editoriais ou que possam ser considerados inadequados.

Postar Comentário

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA TAMBÉM

Policial

Em Porto Velho, policial ajoelha e agradece a Deus após tiroteio que terminou com a morte de um criminoso. Nenhum policial ficou ferido na...

Cacoal

Queixadas são flagrados passeando nas ruas de Cacoal, surpreendendo moradores. O vídeo do grupo de queixadas viralizou nas redes sociais.

Cacoal

Polícia Militar de Cacoal prende mulher foragida condenada por furto no bairro Vista Alegre.

Geral

Caminhoneiro morre e dois ficam gravemente feridos em colisão na RO 010. Autoridades investigam causas do acidente. Saiba mais.

Publicidade