Na Mídia

Oi, o que você está procurando?

Viral

Governo federal destinará imóveis abandonados para moradias populares; entenda

governo-federal-destinara-imoveis-abandonados-para-moradias-populares;-entenda

O programa do governo federal tem como objetivo destinar os imóveis abandonados para moradia e outros fins. Confira!

Nesta segunda-feira (26), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), lançou o programa de Democratização dos Imóveis da União que tem como objetivo destinar os imóveis abandonados ou inutilizados da União para moradia, educação, saúde pública e outros projetos sociais

Assim, a iniciativa é uma parceria com governos estaduais e municipais e já está em andamento desde o primeiro semestre de 2023, mas o lançamento oficial aconteceu nesta segunda-feira. Então, através deste programa, os imóveis são repassados a prefeituras, famílias de baixa renda e ao setor privado. Veja mais detalhes!

Imóveis abandonados da União

Portanto, o programa de Democratização dos Imóveis da União tem um comitê gestor para organizar o processo de destinação dos imóveis. De acordo com a ministra da Gestão e da Inovação e Serviços Públicos, Esther Dweck, a iniciativa partiu de uma demanda direta do presidente Lula, que solicitou um levantamento de todos os imóveis que poderiam ser readequados.

Dessa forma, em setembro de 2023, houve a definição dos primeiros 50 imóveis da União que se tornarão 7.188 moradias populares em diferentes localidades do país. Dentre elas estão várias cidades do Rio de Janeiro e até mesmo o pequeno município de Caracaraí, em Roraima. 

Imagem: Alf Ribeiro/ Shutterstock.com

Moradias populares

Assim, no Rio de Janeiro, houve a destinação de sete imóveis para a construção de 436 moradias populares. Já em São Paulo, o estado com a maior quantidade de construções estimadas (2.412 moradias), as cidades contempladas foram Itanhaém, Santos, Campinas, Suzano e na cidade de São Paulo.

Veja também:

Lula confirma 13º salário e aumento do Bolsa Família para março

Enfim, até o momento, cerca de 250 imóveis fazem parte da lista divulgada pelo Ministério da Gestão e da Inovação e Serviços Públicos (MGI). Dessa forma, a lista preliminar possui 500 imóveis, mas pode haver a atualização desse número. Contudo, o governo ainda não divulgou quando terão início as construções ou reformas.

Imagem: Alf Ribeiro/ Shutterstock.com

Aviso Legal: Comentários e Opiniões

Os comentários e opiniões dos usuários são de responsabilidade exclusiva de seus autores. O Grupo Cacoal NEWS não endossa nem se responsabiliza por qualquer conteúdo expresso nos comentários, e reserva-se o direito de remover, modificar ou não aprovar comentários que violem nossas políticas editoriais ou que possam ser considerados inadequados.

Postar Comentário

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA TAMBÉM

Policial

Em Porto Velho, policial ajoelha e agradece a Deus após tiroteio que terminou com a morte de um criminoso. Nenhum policial ficou ferido na...

Cacoal

Queixadas são flagrados passeando nas ruas de Cacoal, surpreendendo moradores. O vídeo do grupo de queixadas viralizou nas redes sociais.

Cacoal

Polícia Militar de Cacoal prende mulher foragida condenada por furto no bairro Vista Alegre.

Geral

Caminhoneiro morre e dois ficam gravemente feridos em colisão na RO 010. Autoridades investigam causas do acidente. Saiba mais.

Publicidade