Na Mídia

Oi, o que você está procurando?

Viral

Moeda COMUM de 25 centavos pode valer R$ 220; Veja o modelo

moeda-comum-de-25-centavos-pode-valer-r$-220;-veja-o-modelo

A busca por moedas raras vem se tornando um negócio cada vez maior e mais lucrativo no Brasil. Os colecionadores buscam itens raros e únicos, mas não são apenas esses modelos que fazem sucesso. Na verdade, basta que os itens tenham características únicas para atraírem a atenção das pessoas.

Em resumo, alguns exemplares comuns também fazem sucesso no país, mas eles devem ter alguma peculiaridade que os tornem especiais para os numismatas.

Por falar nisso, o estudo de cédulas, moedas e medalhas sob o ponto de vista histórico, artístico e econômico se chama numismática, termo que também é utilizado para designar o ato de colecionar estes itens.

Moeda comum de 25 centavos se valorizou

Uma única moeda de 25 centavos pode ser vendida por centenas de reais no país. Isso não parece algo possível de acontecer, mas uma moeda comum está sendo procurada em todo o Brasil pelos colecionadores, que estão dispostos a pagar caro para adquiri-la.

Isso está acontecendo por causa da baixa tiragem do modelo. Em suma, muitas pessoas querem ser as únicas a possuírem esse exemplar, e a dificuldade em obtê-lo as faz pagar valores muito elevados para terem o item em suas mãos.

Moeda de 25 centavos. Imagem: Reprodução.

Veja a moeda de 25 centavos que vale até R$ 220

A saber, a Casa da Moeda fabrica o dinheiro no Brasil, conforme os pedidos feitos pelo Banco Central (BC). Em síntese, os colecionadores buscam itens fabricados para algum evento ou alguma data comemorativa, já que a tiragem destes exemplares é limitada.

Embora a moeda de 25 centavos apresentada neste texto não tenha sido produzida para qualquer data comemorativa específica, sua tiragem considerada baixa elevou em milhares vezes o seu valor, para R$ 220. Aliás, o item não possui erro de fabricação, ou seja, é comum, mas seu valor disparou por causa da baixa tiragem.

A Casa da Moeda fabricou o exemplar em 2000. O item faz parte da segunda família do real e teve pouco mais de 25 milhões de unidades produzidas. Essa é a segunda menor tiragem para moedas de 25 centavos da segunda família do real.

Confira abaixo as menores tiragens anuais para este modelo:

  1. 2016: 23 milhões;
  2. 2000: 25,3 milhões;
  3. 1999: 32,8 milhões;
  4. 2014: 39,5 milhões;
  5. 1998: 43,2 milhões;
  6. 2019: 82,9 milhões;
  7. 2018: 85,2 milhões;
  8. 2001: 92,6 milhões.

Vale destacar que todas as demais produções anuais superaram a marca de 100 milhões de unidades. Isso mostra que a quantidade de moedas de 25 centavos produzidas em 2000 foi muito pequena, quando comparada às demais fabricações anuais.

Estado de conservação define valor dos itens

As moedas recebem algumas classificações quanto ao seu estado de conservação. O primeiro termo se chama flor de cunho, que se refere aos exemplares que não circularam, ou seja, não apresentam qualquer sinal de desgaste ou manuseio. Em outras palavras, são moedas que não possuem marcas e estão em perfeito estado de conservação.

Por sua vez, o estado de soberba se refere às moedas que apresentam, aproximadamente, 90% dos detalhes da cunhagem original. Em síntese, os exemplares que tiveram uma pequena circulação se enquadram neste segmento.

Já a moeda muito bem conservada (MBC) se caracteriza por ter mais sinais de manuseio e uso. Os itens devem apresentar, aproximadamente, 70% dos detalhes da cunhagem original. Além disso, o seu nível de desgaste deve ser homogêneo, sem ter um local bem mais desgastado que outro.

De acordo com o catálogo ilustrado de Moedas com Erros, a moeda de 25 centavos de 1999 pode ser vendida pelos seguintes valores:

  • Flor de cunho: R$ 220,00;
  • Soberba: R$ 110,00;
  • MBC: R$ 10,00.

Cabe salientar que os valores apresentados em catálogos funcionam apenas como uma base para as negociações. Caso o colecionador acredite que vale a pena pagar mais caro pelo item, ele o fará.

Como vender as moedas?

Os interessados em vender seus exemplares podem conseguir isso através de diversas maneiras. Confira abaixo as principais formas de vender moedas raras para colecionadores.

  • Entrar em grupos de colecionadores em redes sociais, como o Facebook;
  • Acessar lojas especializadas na compra e na venda de moedas raras, tanto físicas quanto online;
  • Participar de leilões de moedas raras, principalmente de itens que tenham alto valor;
  • Buscar plataformas online como Mercado Livre e Shopee, pois possuem muitos usuários interessados em colecionar moedas raras.

Por fim, as pessoas devem aumentar o conhecimento no tema e ganhar experiência no mercado para conseguirem preços justos. Cabe salientar que os leilões oferecem um ambiente competitivo, aumentando as chances de venda das moedas a preços mais elevados.

Publicidade: Deslize a página para continuar lendo.
Aviso Legal: Comentários e Opiniões

Os comentários e opiniões dos usuários são de responsabilidade exclusiva de seus autores. O Grupo Cacoal NEWS não endossa nem se responsabiliza por qualquer conteúdo expresso nos comentários, e reserva-se o direito de remover, modificar ou não aprovar comentários que violem nossas políticas editoriais ou que possam ser considerados inadequados.

Postar Comentário

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA TAMBÉM

Policial

Em Porto Velho, policial ajoelha e agradece a Deus após tiroteio que terminou com a morte de um criminoso. Nenhum policial ficou ferido na...

Cacoal

Queixadas são flagrados passeando nas ruas de Cacoal, surpreendendo moradores. O vídeo do grupo de queixadas viralizou nas redes sociais.

Cacoal

Polícia Militar de Cacoal prende mulher foragida condenada por furto no bairro Vista Alegre.

Geral

Caminhoneiro morre e dois ficam gravemente feridos em colisão na RO 010. Autoridades investigam causas do acidente. Saiba mais.

Publicidade