Na Mídia

Oi, o que você está procurando?

Policial

PF desarticula esquema de tráfico transnacional: Tonelada de cocaína enviada de Rondônia ao Ceará interceptada

Operação Alcance da Polícia Federal resulta em 102 mandados judiciais, desvelando sofisticada rede criminosa com ramificações em quatro estados brasileiros.

Da Redação Folha de Ji-Paraná Foto: Reprodução/Redes Sociais

Nesta quarta-feira (1°), a Polícia Federal (PF) deflagrou a Operação Alcance com o objetivo de desmantelar uma organização criminosa dedicada ao tráfico de drogas, com foco na rota entre Rondônia e o Ceará. As investigações revelam que, pelo menos, uma tonelada de cocaína foi enviada por esse grupo do norte ao nordeste do país.

O espectro da operação é amplo: são cumpridos 102 mandados judiciais em diversas cidades, sendo 42 de prisão preventiva e 60 de busca e apreensão. As ações da PF abrangem localidades em Rondônia, Ceará, Minas Gerais e Roraima.

PF desarticula esquema de tráfico transnacional: Tonelada de cocaína enviada de Rondônia ao Ceará interceptada.

PF desarticula esquema de tráfico transnacional: Tonelada de cocaína enviada de Rondônia ao Ceará interceptada.

Os detalhes da investigação apontam para um esquema complexo. A quadrilha, há um ano sob a lente da PF, operava em duas frentes: uma dedicada ao envio da droga, através de carretas, para o Ceará; outra, encarregada da lavagem de dinheiro e ocultação de patrimônio.

Os valores movimentados pela organização criminosa impressionam: uma empresa investigada, mesmo sem sede física, teria movimentado cerca de R$ 85 milhões somente em 2020. Os lucros do tráfico, por sua vez, eram depositados em contas de terceiros e empresas intermediárias, que recebiam uma fatia dos ganhos, estimada em torno de 3%.

A velocidade das transações é alarmante: em apenas 15 dias, o grupo teria recebido R$ 1,5 milhão proveniente do tráfico. Sete remessas de drogas foram interceptadas durante as investigações, totalizando uma tonelada de cocaína.

Parte do patrimônio do grupo, segundo a PF, estava camuflado em diversos locais, incluindo postos de gasolina, empresas, garagens de veículos, sítios, motos aquáticas e imóveis de luxo.

Os 102 mandados judiciais foram autorizados pela Vara de Delitos de Tóxicos de Porto Velho, que também determinou o bloqueio de bens dos investigados. Revela-se ainda que a organização criminosa é liderada por um suspeito foragido, condenado em 2015 a 40 anos de prisão por tráfico, associação e lavagem de dinheiro.

Da Redação
Cacoal NEWS
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Aviso Legal: Comentários e Opiniões

Os comentários e opiniões dos usuários são de responsabilidade exclusiva de seus autores. O Grupo Cacoal NEWS não endossa nem se responsabiliza por qualquer conteúdo expresso nos comentários, e reserva-se o direito de remover, modificar ou não aprovar comentários que violem nossas políticas editoriais ou que possam ser considerados inadequados.

Postar Comentário

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA TAMBÉM

Cacoal

Lamentável Desfecho: Vereador de Pimenta Bueno e Namorada Perecem em Colisão na BR-364

Policial

Em Porto Velho, policial ajoelha e agradece a Deus após tiroteio que terminou com a morte de um criminoso. Nenhum policial ficou ferido na...

Cacoal

Queixadas são flagrados passeando nas ruas de Cacoal, surpreendendo moradores. O vídeo do grupo de queixadas viralizou nas redes sociais.

Cacoal

Tragédia em Rolim de Moura: bebê de dois meses é assassinado pelos próprios pais. Casal confessa o crime e é preso. ---

Publicidade